Cape Verde
This article was added by the user . TheWorldNews is not responsible for the content of the platform.

Sala esgotada para assistir ao Grupo Tikai em Portugal

O grupo de teatro Tikai esgotou na tarde/noite de domingo, 14, a sala do Centro Paroquial de Damaia, em Portugal, para a apresentação da peça teatral “Filho Pródigo” para a comunidade cabo-verdiana. Foram mais de 440 pessoas a compor a sala.

A apresentação acontece no âmbito da digressão do grupo para a estreia do seu novo filme “Boita e Raboita des Mundo”.

No final da apresentação, o coordenador do grupo, João Pereira, também conhecido como Tikai, agradeceu a presença de todos, lamentando o quanto é “difícil” fazer teatro em Cabo Verde e o esforço que todos os elementos e actores do grupo fazem para que seja possível “trazer felicidade às pessoas”.

“Hoje é por causa do resultado do nosso trabalho que estamos aqui em Portugal (…), com fome, com sede, com injustiça e com injúria, mas conseguimos”, disse João Pereira, que, muito emocionado, pediu aos jovens para não desistirem dos seus sonhos, mostrando-se triste pelo facto de em Cabo Verde “não ser possível viver da cultura”.

Filme “Boita e Raboita des Mundo” apresentado às comunidades cabo-verdianas

Na sexta-feira, 12, o grupo Tikai Produções & Eventos estreou o filme “Boita e Raboita des Mundo” em Portugal, no Centro Cultural de Cabo Verde (CCCV), em Lisboa, em colaboração com a União dos Estudantes Cabo-verdianos de Lisboa (UECL).

Antes de Portugal, após ter sido apresentado em Cabo Verde, o grupo esteve nos Estados Unidos com o mesmo objectivo, com apresentações públicas em New Bedford (28 Abril), Pawtucket (29 de Abril) e Brockton (30 de Abril)

A ideia era, conforme o responsável, ir aos outros países da Europa, onde há grandes comunidades cabo-verdianas, como França, Holanda e Luxemburgo, mas por motivos logísticos e financeiros tal não será possível, desta vez.

O novo filme homenageia o actor Gustavo da Moura, mais conhecido por Toty, membro do grupo de teatro ‘Tikai, falecido em 2022, e que participou na peça original, apresentada em 2001, no Festival Mindelact.

C/ Inforpress

PUB