Cape Verde
This article was added by the user . TheWorldNews is not responsible for the content of the platform.

Matchú Lopes vence a I etapa do Mundial de kitesurf em Ponta Preta

Matchú Lopes, cabo-verdiano que representa as cores da bandeira de Espanha venceu esta tarde Mitú Monteiro, na final da I Etapa do Mundial de Kitesurf’2023, realizada na praia de Ponta Preta, em Santa Maria.

O crioulo naturalizado espanhol, Matchú Lopes protagonizou uma luta de gigantes com Mitú Monteiro, tendo  conquistado o título com a soma de 12.87 pontos contra 9.97 de Monteiro, num embate marcado, entretanto, pela falta de ondas à altura das exigências do mundial.

Matchú Lopes mostrou-se feliz, na final, pela conquista “em casa”, Santa Maria, e por ter disputado a final diante de Mitú Monteiro, com quem, disse, “aprendeu a trabalhar na água”.

O atleta lembrou que Mitu Monteiro, que ficou em segundo lugar, apoiou-lhe em tudo e que esta emoção não tem preço, ainda que as ondas não estiveram à altura do desejado.

“Este título fica em Cabo Verde, na ilha do Sal”, disse Matchú Lopes, empunhando as bandeiras de Cabo Verde e da Espanha. O atleta foi ovacionado pela grande moldura humana que, entusiasta, festejou juntamente com o vencedor desta etapa.

Airton em terceiro

Já em terceiro lugar ficou outro crioulo, desta vez naturalizado italiano, Airton Cozzolino, ao deixar pelo caminho o brasileiro Pedro Matos.

De referir que  na corrida à final, Mitú Monteiro e Ailton Cozzolino protagonizaram o duelo deste Mundial realizado pelo “GKA Kitesurf World Cup Cabo Verde’2023, já que os dois fizeram de tudo nas ondas de Ponta Preta para a vitória, com o triunfo a sorrir para Monteiro.

Para além do mundial de kitesurf, Ponta Preta vai acolher, ainda, nestes dias, uma das etapas do Mundial de Wing-foil.

PUB