Cape Verde
This article was added by the user . TheWorldNews is not responsible for the content of the platform.

Artista cabo-verdiano Yuran Henrique agredido brutalmente nas Canárias

O talentoso artista cabo-verdiano Yuran Henrique foi brutalmente agredido, no rosto, nas Canárias, no passado sábado, 1, onde se encontrava para participar na mostra “Somos AFRO”, na Casa África. Ao que A NAÇÃO apurou, Yuran foi hospitalizado e vai ser submetido a uma operação amanhã, quinta-feira, 5. A polícia espanhola está a investigar o caso. 

Segundo informações apuradas pelo A NAÇÃO online, Yuran foi agredido brutalmente no rosto, tendo vários hematomas, mas já está “melhor”.Inclusive, vai ser submetido a uma operação esta quinta-feira,6 de Julho. Após a agressão, o jovem artista ficou com três fraturas no queixo e na mandíbula.
O caso está sob investigação da polícia espanhola, sendo que, ao que apuramos, ainda não se sabe muito bem o que aconteceu e os motivos por detrás desta agressão.

Exposição na Casa África

Yuran Henrique, reputado e talentoso jovem artista plástico de Cabo Verde, encontrava-se nas Canárias para participar na mostra “Somos AFRO”, na Casa África, que iria inaugurar amanhã, quinta-feira, 6 de Julho.

Com o sucedido, a organização suspendeu o acto de inauguração oficial previsto para amanhã. O site Canárias7, dá inclusive conta que Yuran Henrique era o artista principal desta mostra onde iria também expor o fotógrafo José Luis Simón.

Autoridades em contato

A mesma fonte revela que a Casa África tem estado em contato com os familiares de Yuran Henrique, com o embaixador de Cabo Verde em Espanha, Manuel Cardoso, com o Ministro de Cultura de Cabo Verde, Abraão Vicente, e com o Ministério de Asuntos Exteriores de Cabo Verde, através da Direcção Geral dos Assuntos Consulares. Nas redes sociais são inúmeras as mensagens de rápidas melhoras ao jovem artista Yuran Henrique, tido como um jovem calmo e tranquilo, esperando que o sucedido seja apurado e os agressores punidos.

PUB